sábado, 19 de fevereiro de 2011

TU ME MANQUES



O Dia já baixou por completo por culpa sua.
Na sala, percorro o olhar acostumado para as coisas,
como na primeira vez.

Olho para a pintura que a janela revela,
uma lua gélida no céu, bela
Derretendo como meus relógios
do outro lado da parede, que amo tanto...

Ela deslisa pela céu
entra pela janela
e repousa sobre meu peito
que suspira naufragado sob tua luz.

Saudades de você

19/02/11